25 de dezembro de 2009

✿ Em mundos diferentes


São sonhos separados
Que nunca deixam meu coração
Uma imensa vontade de viver em dois mundos
Um mundo calmo e outro com agitação
Poder ouvir o silêncio
Mas querer também
Escutar as vozes da grande multidão

Perder-me nas grandes cidades
Com imensas ruas, casas, prédios...
Muitas pessoas para todos os lados
Depois encontrar-me quando passa essa tempestade
Numa pequena cidade sem nada tumultuado
Com pequenas ruas, nem tanta gente
E não tem importância onde seja
Em qualquer desses lugares estarei contente

Estar aqui na tranqüilidade
Caminhando pela calmaria
E também poder estar numa cidade
Que demonstre a euforia

Vivendo assim com vontades
Opostas
Cidades grandes e no interior
Vontades postas na minha direção
Seja como e onde for
Encontrarei a minha habitação


Fran.R.M

0 percepções:

Postar um comentário

Deixe aqui algumas palavras sobre o que compreendeu, a sua percepção do que leu...