Pular para o conteúdo principal

• Levar a um conserto



Quando tudo se fecha aos meus olhos
Em nenhuma das desilusões penso
Com alguns risos compenso
O que a desilusão trouxe-me recentemente

O sol não está nascente
E nesse momento em um dia nublado
Sinto-me nos profundos machucados
Receios e feridas de um coração desprezado

Deixe-me ir aonde o coração não aperta
Que a fraqueza nunca exista
Deixe-me uma pequena pista
Aonde que é onde se conserta?

Os feridos corações
As mais frágeis emoções

Esse último adeus nesta tarde nebulosa
O conserto deixará mais ameno
Serei eu calma e cuidadosa
Para não transportar as pisadas neste terreno

Serei eu sempre forte e preparada
Para não precisar consertar novamente
O que a desilusão me guarda
É eterno que creio no sol nascente

Se notar alguém algo cantando
Ou alguma alta música tocando
Sou apenas eu deixando consumir
A cada dor que a mim vier se unir
---
Autoria: Franciéle.R.Machado

Comentários

  1. belo poema, parabéns, seu Blog, é muito bem feito

    ResponderExcluir
  2. Mais que tema Bonito Fran !
    Não pude deixar de comentar,
    pois sou seu fã e fã do blog.
    By: Bruno Cassiano

    ResponderExcluir
  3. Estou adorando vir aqui ler-te, tu manda muito bem guria! Estás conseguindo ensinar coisas a um homem velho de 28 anos!

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  4. Como sempre tocando fundo!
    Você é muito talentosa, e mesmo quando fala de dor, faz com que eu fique feliz por tanto talento!
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, profundo Franl adorei o seu blog..beijos

    ResponderExcluir
  6. Muito lindo isso guriaaaaa!

    E são esses sofridos corações (os nossos) que tranformam nossas palavras em poesia!

    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  7. Suas poesias revelam toda a sensilidade que vc possui...parabéns! Se puder, me visite...

    www.desatandosonhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. oi fran tenho um meme q dediquei a vc
    passa la no meu blog e de uma olhada vc se vc gosta das perguntar ta ok bjs fique com papi do céu

    ResponderExcluir
  9. Gostei do seu blog, por isso acabei de indicá-lo para receber um selo. Passe no meu, pegue e repasse.
    Continue sempre assim!
    Beeijo’

    http://lagrimainterrompida.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. oi fran nossa lindu nossa parabens ..... to passandu pra desejar um otimo fds pra tiii e que vc entregue meus beijos a sua mamae a final amnha é dia dela ne rsrs todos os dias são mais amnha em especial bjs fique com papai do céuu

    ResponderExcluir
  11. não curto muito poesia
    mas vc escreve bem
    xD

    http://vagalnerdkawai.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Cara,é você mesma que escreve esses poemas?É um absurdo tanta coisa sair de uma cabeça só.kkk!Amei,né?!Como sempre.Ótima escolha de foto.Boa noite! :n

    ResponderExcluir
  13. Adoro ver coisas assim na internet. Talentosa. Parabéns. =D

    e o layout do blog tá lindo.

    se puder, me visite tb: http://daretoinspireme.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Denovo eu li o poema, e de novo eu comentei, adorei :t

    ResponderExcluir
  15. eu adoro blog com poesias
    amei esse
    parabéns
    http://blogdakarinadelima.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. muito lindo ! parabéns, seu blog é muito bem feito ! estou te seguindo, parabéns novamente . :)

    ResponderExcluir
  17. Ahh que legal, agora tem emoticons! :k
    Adorei! :n ashaushuashuasuhas :s


    Mas bem, seus poemas lindos e sensiveis como sempre. :h

    beeijos Frannn ♥

    Postareeeei, será que os emoticons vão aparecer? hausahusas :t

    ResponderExcluir
  18. aaahhh que pensa,não apareceu ):
    HAUSHUASHAUSHAUSH

    triste. ç.ç

    ResponderExcluir
  19. Agora apareceu, é que eu tinha feito algumas mudanças no código, daí ocasionou erro, mas coloquei de novo e deu certo :c

    :q

    ResponderExcluir
  20. muito lindo, ritmado, soa quase como uma musica aos ouvidos, quem sabes gravas você recitando e posta para ouvir-mos. que tal?

    ResponderExcluir
  21. Lindo este poema...

    Gostei principalmente desta parte

    Deixe-me ir onde o coração não me aperta
    Que a fraqueza nunca exista
    Deixe-me uma pequena pista
    Aonde que é onde se conserta?

    Acho que quando o coração esta machucado tudo que agente mais queria era isso, achar onde se conserta...

    Parabens pelas suas belas palavras...

    Tenha uma ótima semana!!!

    ResponderExcluir
  22. Além de extremamente feminino, belo e intenso - teu blog é visualmente bem feito!

    gostei do estilo aqui e sigo seus passos, ate

    ResponderExcluir
  23. Lindo demais seu poetar
    É leve e encantado!
    Magnífico!

    ResponderExcluir
  24. Oi Fran, tem um selo pra você no mue blog, passa lá e pega. Beijos :t

    ResponderExcluir
  25. Ah! Que lindo este poema! Retrata bem o que eu estava sentindo estes dias, mas, há um tempo li uma mensagem que melhorou as feridas do coração: "Não se acostume com o que não te faz feliz". Tratei de reconstruir meu coração, fazer uma imensa reforma e buscar a felicidade eterna deste meu coração inquieto! =)
    Lindo o blog, adorei aqui.

    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Fran, tem um selo para você no meu blog, passa lá e pega.. :)

    ResponderExcluir
  27. oi linda, obrigada por sua visita em meu blog.
    Suas poesias são lindas, e tocam no interior da alma, parabéns pelo talento!

    ResponderExcluir
  28. obaaaaaaaaaaaaaaaaa :n
    Os emoticons agora funcionam! hasuhaushaus :c
    ADoooro! ahsuahsuas

    Mas bem, minha mãe realmente é uma base para mim. *O*
    E se vc escreveu para a sua... deve ter ficado perfeito! ^^
    Suas palavras são todas com uma sensibilidade inscrível :D

    Beeeijos Fraaan :t

    ResponderExcluir
  29. Adooooro aqui!Qyue foda você ser tão criativa assim para escrever.Amo mesmo!Boa noite.

    http://secretomundomeu.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  30. Adorei! *-*
    "Deixe-me ir aonde o coração não aperta
    Que a fraqueza nunca exista
    Deixe-me uma pequena pista
    Aonde que é onde se conserta?"

    :a

    ResponderExcluir
  31. ola tudo bem com você? estou aqui para te dar uma grande novidade para você. a dica do blog.

    Ganhe dinheiro ou mais visita para o seu blog.

    Ele funciona assim. você ser escreve no convite do site.

    mais primeiro você precisa criar a conta paypal online para recebe pagamento, ser você quiser. ou somente ganha visitas para seu blogger.

    Quando você ser escreve no site você pode divulgar o títulos do seu blogger, por exemplo. vejam esse video filtro Solar, vejam essa frase, dia de hoje, music love, etc....

    Você pode divulgar e ganha mais visitas para seu blogger e mais seguidores para você.

    Que coisa legal ne?

    Então ser escreve agora mesmo.

    A novidade esta no meu blogger agora.

    Dicas de blog. no menu na esquerda.

    http://bloglegalnovo.blogspot.com

    ou

    http://www.up.dahora.net

    ResponderExcluir
  32. Adoro seu blog, de verdade... Mto bonito, rico, atraente, mantenha-o sempre assim. Além do mais, a beleza maior dele sem dúvida está no conteúdo de uma poeta muito bem reconhecida. Parabéns!!

    Sou teu fã, gauchinha!

    ResponderExcluir
  33. SIMPLESMEMTE LINDO!
    ADOREI.

    BEIJOS EM SEU CORAÇÃO

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe aqui algumas palavras sobre o que compreendeu, a sua percepção do que leu...

Postagens mais visitadas deste blog

● Ponteiros tortos

Quantos sonhos loucos passaram por tua porta? Não viu as cores que tecem o céu, que mudou há tempos Perdemos a lucidez desde os anseios mais remotos Desde que a dúvida, calou qualquer tentativa torta
Me desnorteia respirar nesse véu de dias iguais Eu conversaria por horas dentro de mim mesma Com os mesmos traços e ainda os mesmos pedaços Embora sinto que meus anos correram demais
Voltaria para quem fui, correndo ao alento Retalhos do que bastou para amar, não seria para depois Basta de fugir do meu eu, sem contentamento! Eu e meus batimentos descompassados não somos dois 
Corremos na linha de qualquer outra perdição Entre a brandura e a loucura, sem ponteiros para seguir Na frente aos pés, aos poucos sinto a leve intuição Alguém mais despertou depois de tempos sem sentir?

Autoria: Franciéle R. Machado

• Avessos

Não sou eu há dias, ou horas Nem anteontem desde o sentido distorcido Que vaga beirando ao silêncio Linha tênue que embriaga
Não sou horizonte, nem estrada Pois parei em pontos distantes Além da lua e da noite E há dias permaneço assim intacta
E dentre tropeços, perdi os endereços Tenho casa só dentro de mim Para não dizer que sou perdida Nestas linhas vastas de insensatez
Não sei onde ficou o espelho Pois esta face não é minha Desde que me tornei ventania desfocada Que passeia sem qualquer adereço
Embora tenha no peito ideias sozinhas Que dos avessos perdem-se por aí Não sou eu, faz dias, um mês E quem sou? Linha do verso só por dizer?
Autoria: Franciéle Romero Machado

Amigos, desculpe a ausência do blog...Continuarei compartilhando cada verso com vocês!

Peito em estopim

Conversas do anoitecer
Só eu e você
Dentre olhares confortáveis

Reinvento, paisagens aleatórias de nós
O teu humor tão seguro de si
Um gosto de que algo entre nós 
Não pode fugir assim

Um salto no ar, pra quem quer tanto
Quando teus olhos me abraçam
Te percebo em cada canto
Da minha projeção mais impensável

Sei que não é pouco
Amar desperta a intenção
De embaralhar toda a nossa razão

Insano, como quem declara o que sente tão alto
E se o depois não houvesse?
Sorriria para ti, pois viveu um sonho em mim

Um tormento que me desatinou
Um suspiro em sua voz, ouço em meu interior
A vida que desabrochou de novo enfim

Quando nos reconstruímos
Mesmo quando parecera arrancar esse afeto por medo
Reviveu, peito em estopim

Pois decerto não era para ser o fim

Autoria: Fran Romero